O ECPC tem como alguns dos seus objetivos principais:

a) promover assistência espiritual e moral, auxiliar na reestruturação familiar e social de casais que busquem a sua ajuda e orientação com vistas à elevação social e moral do ser humano, por todos os meios ao seu alcance, bem como, a defesa de bens e direitos sociais, coletivos e difusos relativos ao meio assistencial, ao patrimônio cultural, aos direitos humanos e dos povos;

b) auxiliar na reestruturação familiar, espiritual e social de casais que busquem a sua ajuda e orientação, o ECPC como não possui sede ou domicílio próprio e se reúne nas dependências das igrejas dos Encontreiros, de qualquer denominação que dele participarem com, pelo menos, um de seus casais, em acampamentos, etc, em data, hora e local previamente combinados; bem como, promover a divulgação do Evangelho e o trabalho de conversão e libertação espiritual dos casais alcançados.

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Augusto Cury – 12 semanas para mudar uma vida

Descrição: 12 Semanas para Mudar uma Vida é muito mais que um livro. É um Programa de Qualidade de Vida. Este livro traz ferramentas psicológicas que contribuem para educar a emoção, vencer o estresse e prevenir a ansiedade e outros transtornos psíquicos. Seu objetivo é enriquecer as relações e levar o ser humano a ter sabedoria, a contemplar o belo, a se apaixonar pela vida e pela espécie humana. É uma verdadeira prática existencial para ser exercitada por todos aqueles que querem conhecer o seu próprio ser e dar um salto na qualidade de vida. O PAIQ – PROGRAMA DA ACADEMIA DE INTELIGÊNCIA DE QUALIDADE DE VIDA é um programa desenvolvido pelo dr. Augusto Cury que tem por objetivo melhorar profundamente a QUALIDADE DE VIDA EMOCIONAL, INTELECTUAL, SOCIAL E PROFISSIONAL (abrir a inteligência, libertar a criatividade, gerenciar os pensamentos, administrar a emoção, prevenir doenças psíquicas) de todas as pessoas.


  • Tamanho: 190 MB
  • Formato: Rar
  • Idioma: Português
  • Lançamento: 2008

2 comentários:

Paulo da Celia disse...

Apesar de fazer parte do cotidiano dos brasileiros de todas as classes
sociais, a pirataria ainda é fonte de muitos erros, tabus e
mistificações. Confundem-se atividades tão distintas quanto a clonagem
em larga escala de produtos patenteados, para comércio não autorizado,
com a simples cópia doméstica desses mesmos produtos para
compartilhamento entre particulares.

Divulga-se ser crime toda utilização de obra intelectual sem expressa
autorização do titular num país onde até o presidente da República
confessa fazer uso de cópias piratas. Comparam-se cidadãos de bem a
saqueadores sanguinários do século 18.

Os delatores fundamentam-se, invariavelmente, no Título III do Código
Penal Brasileiro, Dos Crimes Contra a Propriedade Imaterial, artigo
184, que trata da violação dos direitos de autor e os que lhe são
conexos.

São comuns assertivas do tipo “é proibida a reprodução parcial ou
integral desta obra”, “este material não pode ser publicado,
transmitido, reescrito ou redistribuído”, “pirataria é crime”,
“denuncie a falsificação”. É proibido, ainda, “editar”, “adicionar”,
“reduzir”, “exibir ou difundir publicamente”, “emitir ou transmitir
por radiodifusão, internet, televisão a cabo, ou qualquer outro meio
de comunicação já existente, ou que venha a ser criado”, bem como,
“trocar”, “emprestar” etc., sempre “conforme o artigo 184 do Código
Penal Brasileiro”.

Paulo da Celia disse...

A cópia adquirida por meios erroneamente considerados ilícitos para
uso privado e sem intuito de lucro não pode ser considerada pirataria;
sendo pirataria, então esta não é crime.

As campanhas anti-pirataria são cada vez mais intensas e agressivas e
os meios de comunicação (muitos dos quais pertencentes aos mesmos
grupos que detêm o monopólio sobre o comércio e distribuição de
músicas e filmes) cumprem seu papel diário de manter a opinião pública
desinformada.

Nenhum trecho de livro poderá ser reproduzido, transmitido ou
arquivado em qualquer sistema ou banco de dados, sejam quais forem os
meios empregados (eletrônicos, mecânicos, fotográficos, gravação ou
quaisquer outros), salvo permissão por escrito, apregoam a Associação
Brasileira de Direitos Reprográficos (ABDR) e as editoras. De fato, na
quase totalidade das obras impressas, o leitor depara-se com avisos
desse tipo:

Todos os direitos reservados, incluindo os de reprodução no todo ou em
parte sob qualquer forma. Nenhuma parte desta obra poderá ser
reproduzida ou transmitida por qualquer forma e/ou quaisquer meios sem
permissão escrita da Editora.

Postar um comentário

O B R I G A D O

ORA que melhORA!

Aproveite você também pra falar com Deus sobre as suas necessidades e fraquezas, oremos:

"Senhor nosso Deus e nosso Pai, em o nome do Senhor Jesus, rogamos, dai-nos a serenidade para aceitar as coisas que não podemos mudar, coragem para mudar as coisas que podemos, e sabedoria para que saibamos a diferença: vivendo um dia a cada vez, aproveitando um momento de cada vez, aceitando as dificuldades como um caminho para a paz; indagando, como fez Jesus, a este mundo pecador, e não como teríamos feito; aceitando que o Senhor tornaria tudo correto se submetêssemos à sua vontade para que sejamos razoavelmente feliz nesta vida e extremamente felizes com o Senhor para todo o sempre. Amém."

 
ECPC - ENCONTRO DE CASAIS PARA CRISTO - SEMPRE ENCONTRANDO | by TNB ©2010